Sexta-feira, 30 de Dezembro de 2011

Que novas portas se abram em 2012

 
Que a cada dia do novo ano possamos ter a esperança que novas portas se abrirão
Que a fé nunca nos abandone e tenhamos a capacidade de acreditar.
Que o optimismo ilumine cada amanhecer.
Que as palavras sejam doces e amenizem todas as dores.
Que nos dias mais sombrios saibamos que mesmo longe os nossos amigos estão sempre por perto.
Que a compreensão, a lealdade, o respeito, a justiça se façam sentir nas nossas acções.
Que saibamos encontrar a felicidade nas pequenas coisas e transformá-las em grandes momentos.
Que consigamos viver em harmonia com nós próprios e partilhá-la com todos os que nos rodeiam.
Que agradeçamos cada minuto das nossas vidas e da vida daqueles que amamos.
Que a capacidade de sonhar nunca nos abandone.
 
 
Para todos votos sinceros de um Bom Ano 
Manu
 
 
 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

publicado por Existe um Olhar às 10:25
link do post | comentar | ver comentários (15) | favorito
|
Quinta-feira, 29 de Dezembro de 2011

Noutro lugar

 
 
D'outra vez, noutro lugar
ninguém espera junto ao cais
sem razão, barcos que não voltam mais
os dias vão sem te levar...

E tenho tanto a contar
hey, tens tanto para ver
Tens ainda de aprender
os nomes que te vou dar

Oh noutro lugar
para todo o sempre
Oh há uma canção
que faz partir
Oh noutro lugar
para sempre, sempre
Oh, há uma canção
que está por descobrir
Vem...

D'outra vez noutro lugar
os anos passam sem pesar
sem razão, vão em busca da canção
que ficámos de cantar...

E tenho tanto por contar
hey, tens tanto para ver
Tens ainda de aprender
os nomes que dei ao mar

Oh noutro lugar
 
( Sétima Legião)
 
 
 

 

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

publicado por Existe um Olhar às 20:07
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito
|
Quarta-feira, 28 de Dezembro de 2011

No lago em St. Moritz

 
 
 
 
 
 
 
Já conhecia St. Moritz, mas de Verão, onde o lago é azul ladeado de montanhas verdes, casas salpicadas por entre o arvoredo, flores, muitas flores e uma cidade onde se fica com os olhos colados às montras das lojas onde se pode admirar tudo o que é mais "in" e claro, onde a minha carteira não pode chegar.
Hoje depois de duas horas num comboio panorâmico (adoro andar de comboio) cheguei e tudo estava coberto de branco, o lago gelado e o sol brilhava, embora se fizesse sentir um frio de arrepiar.
Um espectáculo inesquecível!
St. Moritz-28 de Dezembro de 2011
 
 
 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

publicado por Existe um Olhar às 20:38
link do post | comentar | ver comentários (13) | favorito
|
Terça-feira, 27 de Dezembro de 2011

Uns persistem, outros desistem

 
 
O êxito consiste em obter o que se deseja, a felicidade em desfrutar do que se obtém.
(Ralph Waldo Emerson)
 
 
 
Na montanha de Parpan-Suiça
 
27 de Dezembro de 2011
 
 
 
 
 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

publicado por Existe um Olhar às 22:27
link do post | comentar | ver comentários (11) | favorito
|

A luz que ilumina o meu andar

 
 
 
Suiça-26 de Dezembro de 2011
 
 

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

publicado por Existe um Olhar às 08:37
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|
Domingo, 25 de Dezembro de 2011

Quando cai neve dizem que é Natal

 
Quando cai neve dizem que é Natal 
E que vão chegar as prendas 
Pobre de mim que vivo ao pé do mar
 Onde o sol desfaz as lendas 
Dizem que o sol Para não se constipar
 Se esconde aqui pertinho 
Vou logo à noite Sem o acordar 
Vesti-lo de branco lindo 
25 de Dezembro de 2011
 
 
 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

publicado por Existe um Olhar às 15:24
link do post | comentar | ver comentários (9) | favorito
|
Quarta-feira, 21 de Dezembro de 2011

Para todos os que partilharam comigo os meus olhares desejo um Feliz Natal!

 
Paz
Alegria
E muito amor!
 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

publicado por Existe um Olhar às 11:13
link do post | comentar | ver comentários (15) | favorito
|
Terça-feira, 20 de Dezembro de 2011

Óbidos Vila Natal 2011

 
 
 
 
O Natal não é um momento nem uma estação, senão um estado da mente. Valorizar a vida.
 
Óbidos-20 de Dezembro de 2012
 
 
 
 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

publicado por Existe um Olhar às 22:34
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|

O resto do que foi

Barcos que descem
E sobem o rio
Baixam as redes
Varrem-lhe o leito...
Numa luta imensa
Que perdura na noite fria
Num movimento
Pausado,perfeito.
Barcos parados
Pássaros de velas ao vento
Âncora que repousa no fundo.
Água que beija um casco
Acariciando as tábuas
Num sussurro
Ligeiro e profundo.
 
(Cathy Correia)
 
 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

publicado por Existe um Olhar às 11:39
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito
|
Domingo, 18 de Dezembro de 2011

Mosteiro de Santa Clara a Velha - Coimbra

 
 
No início do século XX, foi classificada como Monumento Nacional por Decreto de 16 de Junho de 1910, e sujeito a extensa campanha de obras de restauro por iniciativa da DGEMN a partir da década de 1930. Ainda assim, o conjunto continuou a ser vítima das águas do rio. Nesse espaço desocupado, imerso nos sedimentos que apenas deixavam visível a parte superior da igreja, criou-se uma imagem de ruína aureolada de romantismo, que se manteve até à década de 1990.
Mais informação aqui
 
 
 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

publicado por Existe um Olhar às 19:42
link do post | comentar | ver comentários (13) | favorito
|
Sábado, 17 de Dezembro de 2011

Quem tem medo?

 
Nada na vida se deve temer, só se deve entender.
(Marie Curie)
 
Lisboa
Dezembro de 2011
 
 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

publicado por Existe um Olhar às 21:18
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito
|
Sexta-feira, 16 de Dezembro de 2011

Alegria, alegria...

 
 
 
 
 
Animação numa praça em Lima- Peru
Novembro de 2012
 
 
 

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

publicado por Existe um Olhar às 16:38
link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
|
Quinta-feira, 15 de Dezembro de 2011

Ser criança, apenas

Que saudade do tempo em que não tinha a obrigação de ser alguma coisa, além de ser criança.
(Zelia Raquel Monteiro Jardim)
 
 
 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

publicado por Existe um Olhar às 14:22
link do post | comentar | ver comentários (17) | favorito
|
Quarta-feira, 14 de Dezembro de 2011

Vamos à praça?

 
FAVAS
 
 
MILHO
 
 
BATATAS
 
Há para todos os gostos e de todas as cores no mercado em Lima- Peru
 
 
 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

publicado por Existe um Olhar às 23:04
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito
|

Há sempre um rio a passar

 
 
 
 
Tão bom viver dia a dia…
A vida assim, jamais cansa…
Viver tão só de momentos
Como estas nuvens no céu…
E só ganhar, toda a vida,
Inexperiência… esperança…
E a rosa louca dos ventos
Presa à copa do chapéu.
Nunca dês um nome a um rio:
Sempre é outro rio a passar.
Nada jamais continua,
Tudo vai recomeçar!
E sem nenhuma lembrança
Das outras vezes perdidas,
Atiro a rosa do sonho
Nas tuas mãos distraídas…
 
(Mário Quintana)
 
Momentos à beira Tejo
Dezembro de 2011
 
 


 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

publicado por Existe um Olhar às 10:52
link do post | comentar | ver comentários (13) | favorito
|
Terça-feira, 13 de Dezembro de 2011

Longe do mundo existe outro olhar

 
 

Eu não sei se vais ouvir-me
Se estás ai ou não
Eu não sei se compreendes
Esta oração

Se eu p'ra ti sou uma estranha
Que o coração perdeu
É ao ver-te que eu pergunto
Se ja foste como eu


Longe do mundo, perto de ti
Peço conforto de quem eu fugi
Perdida, esquecida eu oro a ti
Longe do mundo mas perto de ti

Peço conforto e nada mais
Na voz dos que sofrem padecem sinais
Vêm de longe e chegam por fim
Quem vai ouvi-los? quem sofre assim?

Eu não sei se vais lembrar-te
De um coração tão só
Coração tão vagabundo
Que perde, chora, todos os dias

Longe do mundo mas perto de ti
Peço conforto de quem eu fugi
Venho de longe e chego por fim
Quem vai ouvir-me chama assim
Perdida, esquecida, aqui ao orar
Longe do mundo mas perto de ti...

 

 

 

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

publicado por Existe um Olhar às 08:30
link do post | comentar | ver comentários (10) | favorito
|
Segunda-feira, 12 de Dezembro de 2011

As cores que o Outono pintou

 
 
 
Jardim da Gulbenkian
Dezembro de 2011
 
 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

publicado por Existe um Olhar às 14:21
link do post | comentar | ver comentários (11) | favorito
|
Sexta-feira, 9 de Dezembro de 2011

Meninos do mundo

 
 

Menino da rua
segue teu destino
Seja a minha, ou a tua
mas vai meu menino

Destino traçado
um dia ao nascer
estás condenado
em teus dias sofrer

Espiando pecados
sem culpa de nada
Seus pés magoados
da dura calçada

De olhos no chão
falando sozinho
Pedindo um tostão
Desejando um carinho

Mãos cheia de nada
Seu corpo franzino
Qual alma penada
Seguindo o destino

Procura com esperança
mas com alma nua
Tem fé na mudança
Menino da rua

 

(Ventura Telo)

 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

publicado por Existe um Olhar às 18:48
link do post | comentar | ver comentários (15) | favorito
|

Eu sou de todas as cores

 

Eu sou de todas as cores, de todos os sons, de todas as dores, de todos os tons...
Sou água, terra, fogo e ar...
Sou a inércia e o caminhar...
Sou brisa, sou tempestade...
Sou mentira, sou verdade...
Sou lua minguante, sou lua cheia...
Sou pegadas na areia...
Sou a rosa e o espinho...
Sou afeto e sou carinho...
Sou sol, sou maresia...
Sou barulho, sou melodia...
Sou razão, sou sentimento...
Sou a eternidade e o momento...
Sou matéria, sou espírito...
Sou a doença e o antídoto...
Sou séria, sou anarquista...
Sou menina, sou mulher...
Sou o que me der na telha...
Sou o que você quiser...
Só não imutável, nem uma tediosa mesmice...
Eu não sou MAIS eu... Eu sou apenas EU...
E mesmo assim, imperfeita, já me dou por satisfeita... ;)

 
(Nilza Rodrigues)
 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

publicado por Existe um Olhar às 08:30
link do post | comentar | ver comentários (11) | favorito
|
Quinta-feira, 8 de Dezembro de 2011

Na Gulbenkian

 
Seguindo a sugestão do João André Farinha, visitei  a exposição "A Perspectiva das Coisas. A Natureza-morta na Europa", valeu a pena.
À saída fotografei este painel que fica na entrada da Gulbenkian, alguém veio a correr dizer-me que não o podia fazer, tarde demais e saiu isto
 
7 de Dezembro de 2011
 
 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

publicado por Existe um Olhar às 11:35
link do post | comentar | ver comentários (28) | favorito
|
Direitos de Autor Nenhuma parte deste site pode ser reproduzida sem a prévia permissão do autor. Todas as fotografias estão protegidas pelo Decreto-Lei n.º 63/85, de 14 de Março. Uma vez que a maioria das fotografias foram feitas em locais públicos mas sem autorização dos intervenientes, se por qualquer motivo não desejarem que sejam divulgadas neste blog entrem em contacto comigo para que sejam retiradas de imediato. manuelapereira3@sapo.pt

.Quem me segue

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 226 seguidores

.pesquisar

 

.Novembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

13
14
16
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


.posts recentes

. O templo dourado

. Caíram desamparadas

. Fui lá...

. Tudo ao contrário

. Há pano para mangas

. Eu quero uma casa no camp...

. A descer

. Chapéus há muitos

. Tu que passas...

. Em tons de verde

.arquivos

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

.tags

. todas as tags

.favoritos

. O regresso

. A MORTE e as PENAS.

. As cores do tempo

. ...Ah e tal são meras Teo...

. O cheiro da luz

. Um Livro, Uma Imagem

. A verdadeira história de ...

. CARTA À MINHA AMIGA INÊS

.links

.Lista de links

.Quem me visita

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

.links

SAPO Blogs

.subscrever feeds