Domingo, 1 de Fevereiro de 2015

A vida é como a água

 

A vida verdadeira é como a água:
Em silêncio se adapta ao nível inferior
Que os homens desprezam.
Não se opõe a nada,
Serve a tudo.
Não exige nada,
Porque sua origem é da fonte imortal.
O homem realizado não tem desejos de dentro,
Nem tem exigências de fora.
Ele é prestativo em se dar
E sincero em falar,
Suave no conduzir,
Poderoso no agir.
Age com serenidade.
Por isto é incontaminável.

Lao-Tsé

 

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
tags: ,

publicado por Existe um Olhar às 21:28
link do post | comentar | favorito
|
16 comentários:
De Remus a 2 de Fevereiro de 2015 às 17:57
Quem sou eu para contradizer Lao-Tsé.
Mas a vida não pode ser como ar, ou como a terra?


Não consigo dissociar estas condutas à ideia de esgotos ou aos sistemas de águas pluviais, mesmo que neste caso, penso que tenham sido usadas como sistema para uma espécie de ponte num lugar onde creio ser bem arranjado.
Por isso, é uma fotografia que transmite-me duas ideias antagónicas.


De Existe um Olhar a 2 de Fevereiro de 2015 às 18:17
A vida é composta por 4 elementos, terra, ar, fogo e ar, neste caso o o poema de Lao Tsé é muito filosófico, mas foi difícil encontrar um que se adaptasse a esta foto.
Tem toda a razão, não é um esgoto, pertence a um parque muito bem arranjado onde há um lago onde estas águas vão ter. Concerteza já ouviu falar e já viu fotos do Buddha Eden Parque no Bombarral, um sítio fantástico que recomendo a visita.

Beijos Remus


De Miguel Alexandre Pereira a 2 de Fevereiro de 2015 às 17:57
Que fantástico, como não ficar surpreendido com os retratos que nos deixas diariamente. Eu fico maravilhado com a tua capacidade de encontrar recortes fabulosos. Tens mesmo um bom olho :)

http://ummarderecordacoes.blogs.sapo.pt/


De Existe um Olhar a 2 de Fevereiro de 2015 às 18:19
Tu achas sempre uma maravilha, eu por vezes acho que há muito melhor nos sites que visito, daí que queira sempre que o meu olhar não me atraiçoe.
Grata pelas tuas palavras.

Beijos Miguel


De Ana Freire a 2 de Fevereiro de 2015 às 18:53
"E mesmo quando a vida pareça um esgoto, deixa-te ir pelo cano, que acabarás por ir ter ao mar..." (ANA FREIRE... num dia de mau humor... e, após um duelo resolvido, com o meu computador...)
Não me recordo, de ter reparado nesta zona de escoamento de águas, neste parque...
Noutro dia, venho comentar os posts atrasados, Manu! Fora da Net, por uns dias, e tenho comentários atrasados para tudo quanto é lado, que me vire...
Beijos
Ana


De Existe um Olhar a 2 de Fevereiro de 2015 às 21:17
Já sabia que andas em luta com a tua net, nada como um esgoto para limpar o que não interessa Espero que resolvas o problema rapidamente, porque gosto muito de te ler.
Como sabes este local está sempre em obras e não me admira que não tenhas visto. Imagina que a fila de soldados agora estão pintadinhos de azul, bem à portista
Eu entendo o teu stress , por isso não te preocupes, tudo se resolve quando menos se espera.

Beijos Ana


De jabeiteslp a 2 de Fevereiro de 2015 às 18:56

Gosto mais do Verão
e das águas salgadas
com boas vistas


Xoxo de aqui dos calhaus
e uma feliz semana também


De Existe um Olhar a 2 de Fevereiro de 2015 às 21:18
Pois , pois boas vistasEstou a perceber


Beijos João


De Elisa Fardilha a 2 de Fevereiro de 2015 às 20:06
Ultimamente, a minha tem sido como a água...foge-me...

Se não lesse a tua explicação pensaria que eram esgotos.

Uma genial foto com cores e reflexos fantásticos.

Beijinhos.



De Existe um Olhar a 2 de Fevereiro de 2015 às 21:20
É um lugar muito bonito que um dia deves conhecer, ali respira-se paz e não têm conta as fotos que tenho deste jardim.
Espero que a a´gua não te fuja e que te segures bem em terra


Beijos Elisa


De Vasco a 2 de Fevereiro de 2015 às 20:10
Composição muito interessante. Para além de gostar da sequência, também as tonalidades são do meu agrado. Curiosamente, num espaço normalmente não do meu agrado.

Beijo.


De Existe um Olhar a 2 de Fevereiro de 2015 às 21:22
Nisso divergimos, eu adoro este espaço e sinto-me lá muito bem e em termos fotográficos dá imensas hipóteses de conseguir bons clicks.

Beijos Paulo


De Rute a 2 de Fevereiro de 2015 às 23:29
Palavras sempre cheias de sabedoria por estas bandas. a fotografia também está linda, os reflexos estão maravilhosos.

Beijinhos, Manu


De Existe um Olhar a 3 de Fevereiro de 2015 às 21:08
Confesso que foi difícil arranjar as palavras adequadas para esta foto, não tenho o dom da escrita como tu
Este é um lugar lindo onde vou muitas vezes já que fica a poucos quilómetros de casa. Um dia se vieres para Oeste aconselho-te a visita ao Budha Eden Parque.

Beijos Rute


De Roadrunner a 3 de Fevereiro de 2015 às 14:30
Um pensamento líquido como a água, sem dúvida!

Saudações em formato H2o!


De Existe um Olhar a 3 de Fevereiro de 2015 às 21:10
E com o frio que tem estado espero que não passem ao estado sólido

Beijos Roadrunner


Comentar post

Direitos de Autor Nenhuma parte deste site pode ser reproduzida sem a prévia permissão do autor. Todas as fotografias estão protegidas pelo Decreto-Lei n.º 63/85, de 14 de Março. Uma vez que a maioria das fotografias foram feitas em locais públicos mas sem autorização dos intervenientes, se por qualquer motivo não desejarem que sejam divulgadas neste blog entrem em contacto comigo para que sejam retiradas de imediato. manuelapereira3@sapo.pt

.Quem me segue

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 227 seguidores

.pesquisar

 

.Novembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

13
14
16
18

19
22
24
25

26
27
28
29
30


.posts recentes

. Hoje vou meter água

. Quem sou eu?

. Porta número 8

. O templo dourado

. Caíram desamparadas

. Fui lá...

. Tudo ao contrário

. Há pano para mangas

. Eu quero uma casa no camp...

. A descer

.arquivos

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

.tags

. todas as tags

.favoritos

. O regresso

. A MORTE e as PENAS.

. As cores do tempo

. ...Ah e tal são meras Teo...

. O cheiro da luz

. Um Livro, Uma Imagem

. A verdadeira história de ...

. CARTA À MINHA AMIGA INÊS

.links

.Lista de links

.Quem me visita

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

.links

SAPO Blogs

.subscrever feeds