Sábado, 13 de Junho de 2015

É só fachada

 Fachada negra, escura, esburacada, descuido e abandono , que destoa numa cidade onde há vida, sol, jardins e gente que, indiferente vai passando, vendo apenas o que é bom de ver.

Assim é o mundo:
“Um mundo cheio de marcas e grifes, mas de vidas vazias.”

(kadola)

 

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

publicado por Existe um Olhar às 10:49
link do post | comentar | favorito
|
13 comentários:
De chica a 13 de Junho de 2015 às 11:39
É verdade! Há vidas só de fachadas...E há tantos descuidos! pena! bjs, chica


De jabeiteslp a 13 de Junho de 2015 às 19:18
O que o raio do tempo faz
pois que nós por cá
trememos outra vez o dente pra já...brrrrrrrrrr


Belo e feliz fim de semana
e um Xoxo também de aqui dos Calhaus


De Elisa Fardilha a 13 de Junho de 2015 às 20:59
Sem dúvida!

Quase que diria que a maioria vive de fachada!!!

A foto está fabulosa e em total sintonia com o texto.

Beijinhos.


De omar a 14 de Junho de 2015 às 16:27
incredivble what humans are constructing, but this our fate


De opinandomais a 14 de Junho de 2015 às 16:48
Tendências! Ou se olha para o muito mau, ou se olha para o agradável, por vezes, senão mesmo sempre. o dificil é olhar para o despercebido.


De Maria Ladeira a 14 de Junho de 2015 às 19:38
Um olhar (des)construído...a precisar de reparação...mas com um pensamento bem pertinente!!!
Bj amigo


De Paulo César Silva a 14 de Junho de 2015 às 20:17
quase que arriscava a dizer que essa foto foi tirada em Donetsk!
hoje em dia vive-se de fachada, e muitas vezes até a fachada está mal tratada...


De Ricardo Santos a 14 de Junho de 2015 às 21:00
Manuela

Pelo que percebi dos "tags" é de um prédio abandonado nas Caldas da Rainha. da fachada lateral porque à frente (lado direito da foto) apercebe-se a existência de estendais.

Boa foto !


De DyDa/Flordeliz a 14 de Junho de 2015 às 22:26
Uma fachada bem esburacada.
Há tantas por aí.
Outras que iniciaram e nunca chegaram ao fim.
Mas a foto resultou muito bem Manu.


De Remus a 15 de Junho de 2015 às 15:48
De facto o abandono é evidente.

As minhas cinco costelas que adoram grafismos, mandam dizer que não teriam incluído aquele pedaço de céu no enquadramento. Que teriam feito a fotografia somente com a parede do prédio.
O recado está dado. Se tiver alguma reclamação a fazer, terá de conversar directamente com elas.


Comentar post

Direitos de Autor Nenhuma parte deste site pode ser reproduzida sem a prévia permissão do autor. Todas as fotografias estão protegidas pelo Decreto-Lei n.º 63/85, de 14 de Março. Uma vez que a maioria das fotografias foram feitas em locais públicos mas sem autorização dos intervenientes, se por qualquer motivo não desejarem que sejam divulgadas neste blog entrem em contacto comigo para que sejam retiradas de imediato. manuelapereira3@sapo.pt

.Quem me segue

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 226 seguidores

.pesquisar

 

.Novembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

13
14
16
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


.posts recentes

. O templo dourado

. Caíram desamparadas

. Fui lá...

. Tudo ao contrário

. Há pano para mangas

. Eu quero uma casa no camp...

. A descer

. Chapéus há muitos

. Tu que passas...

. Em tons de verde

.arquivos

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

.tags

. todas as tags

.favoritos

. O regresso

. A MORTE e as PENAS.

. As cores do tempo

. ...Ah e tal são meras Teo...

. O cheiro da luz

. Um Livro, Uma Imagem

. A verdadeira história de ...

. CARTA À MINHA AMIGA INÊS

.links

.Lista de links

.Quem me visita

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

.links

SAPO Blogs

.subscrever feeds