Domingo, 23 de Agosto de 2015

Magic water

 

 O rio atravessava a Floresta Mágica, algures entre a Suíça e a Itália.

As águas cristalinhas e transparentes desciam apressadas em pequenas cascatas, contornando pequenos rochedos que ladeavam as margens. 
Há lugares cuja beleza é impossível descrever. Olhar e captar momentos é a única forma de eternizar a beleza que a natureza nos oferece.

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

publicado por Existe um Olhar às 09:00
link do post | comentar | favorito
|
22 comentários:
De chica a 23 de Agosto de 2015 às 10:46
Só mesmo uma bela foto pra fielmente mostrar tal beleza! Lindo!! bjs, ótimo domingo! chica


De Existe um Olhar a 24 de Agosto de 2015 às 19:04
Ao vivo a beleza era bem maior, mas valeu apena contemplar um lugar ainda pouco explorado.
Muito obrigada

Boa semana

Beijos Chica


De Teté a 23 de Agosto de 2015 às 14:07
E mesmo assim, nem sempre se consegue captar o momento inteiramente. Esta está muito feliz, nesse aspecto! :)

Beijinhos


De Existe um Olhar a 24 de Agosto de 2015 às 19:06
Há momentos em que queremos mostrar o mais fielmente possível a beleza do lugar, mas tenta-se e é nessa eterna tentativa que me dá um prazer enorme fotografar.
Muito obrigada

Beijos Teté


De Luisa a 23 de Agosto de 2015 às 15:18
Só de olhar, refresca... :)


De Existe um Olhar a 24 de Agosto de 2015 às 19:08
E não é que a água estava super fresquinha?!
Pura, cristalina e num lugar onde a poluição ainda não chegou.
Obrigada pela tua visita.

Beijos Luísa


De jabeiteslp a 23 de Agosto de 2015 às 20:35
Mas a foto
espero que por magia
não dá sinal...
mas imagino pois passei por lá
serão já
mais de 30 anos...Tadescos
de palavra similar á nossa...

Boas férias
bons andamentos
bons momentos
e um xoxo à maneira de aqui da Beira
dos calhaus


De Existe um Olhar a 24 de Agosto de 2015 às 19:10
Não fazia ideia que tinhas andado por estas bandas, é na verdade um lugar do sonho, onde se sente de forma muita intensa as maravilhas da natureza.

Beijos de longe para os calhaus
Votos de boa semana


De Elisa Fardilha a 23 de Agosto de 2015 às 22:14
Só mesmo tu com a tua sensibilidade fotográfica para conseguires captar este momento local de uma beleza ímpar!

Dia a dia, superas-te!

Beijinhos.


De Existe um Olhar a 24 de Agosto de 2015 às 19:11
Penso que é a natureza que me supera e surpreende a cada passo, eu só tento aproveitar momentos que são sem dúvida inesquecíveis.
Muito obrigada

Beijos Elisa


De batidasfotograficas a 23 de Agosto de 2015 às 23:36
De tão transparente que é, acredito que será boa para beber. Apetece flectir o corpo e beber. Traz um pouco.
Goza bem esses momentos.
Manelito
Bj


De Existe um Olhar a 24 de Agosto de 2015 às 19:13
Na verdade eu bebi, ainda não chegou aqui a poluição e a transparência é de tal forma bela que deu gosto passear por aqui.
Está a ser um tempo muito bonito, como aliás é sempre quando ando nestas paragens:

Beijos Manuel


De Maria Ladeira a 24 de Agosto de 2015 às 07:56
É isso mesmo há lugares que de tão belos nos faltam as palavras e inagens tão cristalinas que até dispensam comentários!!! Bj amigo


De Existe um Olhar a 24 de Agosto de 2015 às 19:15
Sem dúvida que a beleza do lugar é indescritível e a sensação que tive , foi de estar noutro mundo.

Beijos Graça


De golimix a 24 de Agosto de 2015 às 08:35
Que dizer?





De Existe um Olhar a 24 de Agosto de 2015 às 19:16
Como te entendo!!! Por vezes não há palavras, eu também fiquei assim

Beijos Golimix


De Remus a 24 de Agosto de 2015 às 12:00
Floresta Mágica! Puff!!!
Eles têm a mania que são mais que os outros...
Não poderia ser A "Floresta das árvores direitas" ou "Floresta onde as árvores crescem para cima". Não! Tinha que ser a "Floresta Mágica".

A avaliar pela qualidade (limpidez das águas) deve ser mesmo uma floresta encantadora. Existem unicórnios por lá?


De Existe um Olhar a 24 de Agosto de 2015 às 19:22
Pois, podia chamar-se tanta coisa...floresta encantada...floresta dos feitiços..floresta das fadas, mas resolveram , sabe-se lá porquê chamar-lhe mágica, para mim também o foi , e até me apeteceu ficar por lá.
Unicórnios não vi, mas seres de duas perna e duas mãos a escalar pedras enormes isso vi..loucos completamente, se os tinham na cabeça, isso não sei
Se quiser certificar-se de que estou a falar verdade veja este vídeo
https://www.youtube.com/watch?v=ZKmQHIUH344

Beijos Remus


De mfc a 24 de Agosto de 2015 às 15:54
Um belo presente neste regresso com alegria e saudade.
Beijos.


De Existe um Olhar a 24 de Agosto de 2015 às 19:24
Que surpresa boa!!!
Julguei que se tinha cansado de colocar as suas belas fotos que tanta saudade me causaram.

Vou já, já visitá-lo

Beijos Manuel


Comentar post

Direitos de Autor Nenhuma parte deste site pode ser reproduzida sem a prévia permissão do autor. Todas as fotografias estão protegidas pelo Decreto-Lei n.º 63/85, de 14 de Março. Uma vez que a maioria das fotografias foram feitas em locais públicos mas sem autorização dos intervenientes, se por qualquer motivo não desejarem que sejam divulgadas neste blog entrem em contacto comigo para que sejam retiradas de imediato. manuelapereira3@sapo.pt

.Quem me segue

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 226 seguidores

.pesquisar

 

.Novembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

13
14
16
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


.posts recentes

. O templo dourado

. Caíram desamparadas

. Fui lá...

. Tudo ao contrário

. Há pano para mangas

. Eu quero uma casa no camp...

. A descer

. Chapéus há muitos

. Tu que passas...

. Em tons de verde

.arquivos

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

.tags

. todas as tags

.favoritos

. O regresso

. A MORTE e as PENAS.

. As cores do tempo

. ...Ah e tal são meras Teo...

. O cheiro da luz

. Um Livro, Uma Imagem

. A verdadeira história de ...

. CARTA À MINHA AMIGA INÊS

.links

.Lista de links

.Quem me visita

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

.links

SAPO Blogs

.subscrever feeds