Segunda-feira, 23 de Janeiro de 2017

Sair e arejar

_MG_9415a.jpg

De vez em quando é preciso sair da nossa zona de conforto, ver outras pessoas, outras paisagens e descobrir que há outros mundos para além das quatro paredes.

 

"A sabedoria não nos é dada. É preciso descobri-la por nós mesmos, depois de uma viagem que ninguém nos pode poupar ou fazer por nós."

 Marcel Proust

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

publicado por Existe um Olhar às 19:19
link do post | comentar | favorito (1)
|
38 comentários:
De Rui a 23 de Janeiro de 2017 às 22:02
E por vezes nem será preciso ir muito longe da nossa zona de conforto ! ... Apenas sair e arejar, já será o suficiente ! Quase sempre se chega enriquecido de algum modo !

Beijo, Manu :)


De Existe um Olhar a 26 de Janeiro de 2017 às 13:11
Ora nem mais, eu saio muitas vezes o meu canto e não preciso ir muito longe para me sentir bem e encontro sempre coisas diferentes que me encantam.

Beijos Rui


De DyDa/Flordeliz a 23 de Janeiro de 2017 às 22:08
Hummm arejar agora?
brrrr tá frio.
Belo espelho, Manu.


De Existe um Olhar a 26 de Janeiro de 2017 às 13:12
Por acaso à beira Tejo andava-se bem e o fez-me uma preciosa companhia.

Beijos


De Pedro Coimbra a 24 de Janeiro de 2017 às 03:41
Regressado há poucos dias da Austrália já está marcada uma viagem para o Vietname (Hoi An) no início de Abril.
Faz bem à alma.


De Existe um Olhar a 26 de Janeiro de 2017 às 13:22
Imagino o quanto foi agradável essa viagem à Austrália, eu também já fui e adorei.
Vietname também me parece uma boa aposta, tenho pena de não ter ido, mas pode ser que um dia calhe. Depois conte como foi.

Beijos Pedro


De Carlos a 24 de Janeiro de 2017 às 07:31
Essa frase tem tudo a ver com a aposta que estou prestes a fazer!
É mesmo preciso arriscar para percebermos se estamos aptos e\ou ganhar sabedoria!
Beijinho e boa semana.


De Existe um Olhar a 26 de Janeiro de 2017 às 13:23
Verdade Carlos, é preciso sair da nossa zona de conforto.
Desejo-te muita sorte.

Beijos Carlos


De jabeiteslp a 24 de Janeiro de 2017 às 08:44
E com um Sol assim
reconforta
e deixa a alma tal o Alecrim... Alegra seja que olhar

Deixo os desejos de um feliz dia
Beijinhos de aqui da Serra


De Existe um Olhar a 26 de Janeiro de 2017 às 13:25
Foi mesmo reconfortante, estava um bom e soube muito bem passear à beira Tejo.

Dia feliz

Beijos João


De green.eyes a 24 de Janeiro de 2017 às 09:55
E eu que adoro este parque onde a foto foi tirada ... respira-se tranquilidade.


De Existe um Olhar a 26 de Janeiro de 2017 às 13:26
Foi mesmo assim que me senti...tranquila e fez-me bem à alma. É uma zona de Lisboa que adoro.

Beijos


De Chic'Ana a 24 de Janeiro de 2017 às 15:04
Adoro o espelho de água. Essa zona é muito bonita para excelentes fotos! =)
Beijinhos


De Existe um Olhar a 26 de Janeiro de 2017 às 13:27
Tenho mais fotos com este espelho, adoro esta zona e veraneei por ali enquanto o brilhou.

Beijos Chic`Ana


De Miguel Alexandre Pereira a 24 de Janeiro de 2017 às 15:21
Nada melhor do que um bom passeio por Lisboa, a zona do Parque das Nações é simplesmente maravilhosa. Permite fotografias fabulosas, tal como esta que partilhas hoje!

http://ummarderecordacoes.blogs.sapo.pt/


De Existe um Olhar a 26 de Janeiro de 2017 às 13:28
Sem dúvida Miguel, gosto muito desta zona e permitiu-me tirar muitas fotos que gosto, um dia talvez coloque mais.

Beijos Miguel


De Remus a 24 de Janeiro de 2017 às 16:06
Tudo muito bem... Tudo muito bonito... Mas depois quem é que paga a conta do médico e dos medicamentos? É a Manu?
A Manu está a mandar o pessoal ir arejar, quando lá fora está um frio de bater dente. Se seguirmos esse seu conselho e formos arejar, mas depois ficarmos doentes como é que é? Quem é que vem fazer a canjinha ou medir a febre?
Acho que com esta conversa a Manu está a meter-se em trabalhos.


Uma fotografia com um bonito ponto de fuga. E com esta fotografia, ficamos a saber que a Manu também caminha sobre a água.


De Existe um Olhar a 26 de Janeiro de 2017 às 13:31
Até parece que estás sempre metido em casa a avaliar pelas fotos que colocas lá no teu canto, também te fartas de andar no laréu
Eu caminho mais sobre o vinho, água faz criar rãs na barriga
Obrigada pelo apreço.

Beijos Remus


De cristina a 24 de Janeiro de 2017 às 16:48
Bem verdade, e este é um lugar que adoro passear e ficar olhando a paisagem e as pessoas, e deixo o tempo passar.
Beijos


De Existe um Olhar a 26 de Janeiro de 2017 às 13:33
Eu tenho pena de não morar mais perto, se assim fosse passava lá muitos dos meus dias. Tem imensos motivos para fotografar e sabe bem arejar.

Beijos Cristina


Comentar post

Direitos de Autor Nenhuma parte deste site pode ser reproduzida sem a prévia permissão do autor. Todas as fotografias estão protegidas pelo Decreto-Lei n.º 63/85, de 14 de Março. Uma vez que a maioria das fotografias foram feitas em locais públicos mas sem autorização dos intervenientes, se por qualquer motivo não desejarem que sejam divulgadas neste blog entrem em contacto comigo para que sejam retiradas de imediato. manuelapereira3@sapo.pt

.Quem me segue

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 227 seguidores

.pesquisar

 

.Novembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

13
14
16
18

19
22
23
24
25

26
27
28
29
30


.posts recentes

. Quem sou eu?

. Porta número 8

. O templo dourado

. Caíram desamparadas

. Fui lá...

. Tudo ao contrário

. Há pano para mangas

. Eu quero uma casa no camp...

. A descer

. Chapéus há muitos

.arquivos

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

.tags

. todas as tags

.favoritos

. O regresso

. A MORTE e as PENAS.

. As cores do tempo

. ...Ah e tal são meras Teo...

. O cheiro da luz

. Um Livro, Uma Imagem

. A verdadeira história de ...

. CARTA À MINHA AMIGA INÊS

.links

.Lista de links

.Quem me visita

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

.links

SAPO Blogs

.subscrever feeds