Terça-feira, 10 de Fevereiro de 2015

Tem dias...

 Nem todos os dias são iguais, há partidas, chegadas, aportamos num lugar qualquer ou para onde o destino nos levar.

Gostamos ou não do que vimos, das pessoas que observamos, das paisagens que nos rodeiam, do mar que nos envolve com o cheiro da maresia, do vaivém dos barcos, da vista que parece ficar lá bem longe e daquelas que vamos conhecer.

A vida é uma constante surpresa e nunca sabemos o que nos espera em terra firme, embora tenhamos sempre a esperança de encontrar um porto seguro que nos abrigue se alguma tempestade se aproximar.

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

publicado por Existe um Olhar às 15:30
link do post | comentar | favorito
|
18 comentários:
De Roadrunner a 10 de Fevereiro de 2015 às 16:38
A foto revela um dia de calmaria, pelos menos no mar, pese embora o horizonte se apresente algo ameaçador...
Enfim, há dias asssim.

Saudações a dias!


De Existe um Olhar a 10 de Fevereiro de 2015 às 16:45
Era uma enseada bem protegida, um pouco mais à frente quando fui para mar alto, já não estava assim. O certo é que mais tarde choveu.

Saudações calmas


De Remus a 10 de Fevereiro de 2015 às 17:50
E não tem horas?
E não tem minutos?
E não tem segundos?
É só dias, dias e dias?
Isto não é um bocado ter "mais olhos que barriga"?


Olho para a fotografia e fico a pensar se não será um duelo de titãs. Um mano a mano entre a dona Manu e o Dias.

Tem dias que eu mais valia estar caladinho, já que tem dias que não digo coisa com coisa. Essa é que é a grande verdade.



De Existe um Olhar a 11 de Fevereiro de 2015 às 16:43
Sabe que não tenho relógio? Detesto ser controlada pelo tempo.
Até nem se enganou, eu e o Dias não nos entendemos, ele quis ir para mar alto e ainda apanhei uma molha e enjoei, mas como sou refilona, tanto praguejei e ameacei que ele teve de aportar em águas calmas, escusado será dizer que cortámos relações
Nesta tasca fica desde já autorizado a dizer o que muito bem entender, pode até dizer que não bato bem, o que não é de todo mentira.

Beijos Remus


De DyDa/Flordeliz a 10 de Fevereiro de 2015 às 20:18
Sabes Manu, não me costuma acontecer olhar e não gostar - de pessoas.
No entanto acontece-me imensas vezes desgostar de comportamentos - de pessoas.
Também não são todos os dias. No entanto, são bastantes dias em que me cruzo com quem dispensava ter de o fazer.

Dias de meditação. E o que me provoca a tua foto.


P.s.: Não sei pk, mas as vezes os acentos fogem do teclado. Não são todos os dias. Mas já começam a ser dias demais para meu gosto. E nem é, em todas as letras, o que me irrita.





De Existe um Olhar a 11 de Fevereiro de 2015 às 16:48
Vamos já fazer um novo acordo ortográfico...NÃO AOS ACENTOS
Prefiro ver-te sentada aqui a meditar e sem pensar naquelas alminhas que nos tiram do sério

Beijos para a pessoa com dupla identidade Dida/FlordeLiz


De Vasco a 10 de Fevereiro de 2015 às 22:15
Um texto bem adequado à foto.

Bj meu.


De Existe um Olhar a 11 de Fevereiro de 2015 às 16:49
Tem dias que as palavras soltam-se , outros que queríamos dizer tanto e não sai nada, pelo menos fica o olhar

Beijos Paulo


De jabeiteslp a 11 de Fevereiro de 2015 às 10:08
Dias e dias
num repousar
mas nunca parar...

Xoxo de aqui dos calhaus


De Existe um Olhar a 11 de Fevereiro de 2015 às 16:50
Só um intervalinho para descansar e reabastecer...depois continuar

Beijos João


De Fii a 11 de Fevereiro de 2015 às 15:07
"A vida é uma constante surpresa e nunca sabemos o que nos espera em terra firme, embora tenhamos sempre a esperança de encontrar um porto seguro que nos abrigue se alguma tempestade se aproximar."

Adorei! Muito bom, e super verdade


De Existe um Olhar a 11 de Fevereiro de 2015 às 16:52
Que bom receber uma visita nova no meu estaminé, afinal as palavras até se confirmam..a vida é uma constante surpresa.

Muito obrigada


De Elisa Fardilha a 11 de Fevereiro de 2015 às 21:31
Com um mar chão assim aventurava-me a andar de barco...não enjoava.

Prefiro o avião.

A foto está fantástica , embelezada pelos inevitáveis reflexos.

Revi-me no teu texto.

Beijinhos.


De Existe um Olhar a 12 de Fevereiro de 2015 às 00:53
Eu também prefiro o avião.
Antes desta calmaria, andei por mares revoltos, mas finalmente cheguei a bom porto.

Beijos Elisa


De cristina a 11 de Fevereiro de 2015 às 23:48
Que cores tão bonitas.


De Existe um Olhar a 12 de Fevereiro de 2015 às 00:54
Adivinhava-se uma tempestade, mas felizmente o sol ajudou.

Muito obrigada.

Beijos Cristina


De numadeletra a 12 de Fevereiro de 2015 às 15:57
É a vida sempre a surpreender-nos.
Afinal o destino está nas mãos de Deus.

Bjo


De Existe um Olhar a 12 de Fevereiro de 2015 às 17:28
Verdade, nunca nenhum dia é igual ao outro, talvez por isso dá gosto vivê-la.

Beijos


Comentar post

Direitos de Autor Nenhuma parte deste site pode ser reproduzida sem a prévia permissão do autor. Todas as fotografias estão protegidas pelo Decreto-Lei n.º 63/85, de 14 de Março. Uma vez que a maioria das fotografias foram feitas em locais públicos mas sem autorização dos intervenientes, se por qualquer motivo não desejarem que sejam divulgadas neste blog entrem em contacto comigo para que sejam retiradas de imediato. manuelapereira3@sapo.pt

.Quem me segue

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 227 seguidores

.pesquisar

 

.Novembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

13
14
16
18

19
22
24
25

26
27
28
29
30


.posts recentes

. Hoje vou meter água

. Quem sou eu?

. Porta número 8

. O templo dourado

. Caíram desamparadas

. Fui lá...

. Tudo ao contrário

. Há pano para mangas

. Eu quero uma casa no camp...

. A descer

.arquivos

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

.tags

. todas as tags

.favoritos

. O regresso

. A MORTE e as PENAS.

. As cores do tempo

. ...Ah e tal são meras Teo...

. O cheiro da luz

. Um Livro, Uma Imagem

. A verdadeira história de ...

. CARTA À MINHA AMIGA INÊS

.links

.Lista de links

.Quem me visita

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

.links

SAPO Blogs

.subscrever feeds