Quinta-feira, 17 de Novembro de 2016

Viver vai muito além de explicações

IMG_8510

É difícil compreender o rumo da vida em alguns momentos. Mas de uma coisa não se pode esquecer: Nada é a toa. Às vezes, o melhor parece ser o pior, e o certo aparenta ser errado, mas tudo faz parte, tudo contribui ao crescimento e tem um porquê. Viver vai muito além de explicações e ultrapassa todo e qualquer entendimento.

Desconhecido

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
tags: ,

publicado por Existe um Olhar às 16:00
link do post | comentar | favorito (1)
|
15 comentários:
De chica a 18 de Novembro de 2016 às 08:01
Muito lindo! Já me despedindo ,encerrando o ano nos blogs, por um motivo bem legal ( visita do filho ) deixo beijos e agradeço os carinhos nesse ano! Tuuuuuuuuuuuuuuuudo de bom! bjs, chica


De Remus a 18 de Novembro de 2016 às 10:57
As mulheres estão muito bem vestidas, acho que é roupa domingueira, pelo que imagino que esta fotografia retrate algum tipo de tradição/peregrinação e não algo ligado a trabalho.
E é bonito ver o contraste. As mais velhas estão mais empenhadas, mais curvadas, enquanto as mais novas, vão como em passeio e a falar ao telemóvel.

Mas quem vai tirar-nos as dúvidas sobre o que esta fotografia efectivamente retrata é a menina Manu.

A opção pelo preto e branco penso que foi uma aposta ganha. Agora só resta saber se ganhou o Jackpot ou se um prémio secundário.


De green.eyes a 18 de Novembro de 2016 às 11:30
E é bem verdade ... "Nada é a toa", tudo acontece por um motivo.
E por vezes aquilo que num dia achamos ser um pedregulho no sapato ... dias depois percebemos que afinal era apenas um grão de areia .


De edite a 18 de Novembro de 2016 às 13:45
É mesmo!


De Cristina - Lado inverso a 18 de Novembro de 2016 às 23:31
Sem duvida


De Ricardo Santos a 18 de Novembro de 2016 às 23:35
Excelente Manuela !!!


De Ana Lúcia a 19 de Novembro de 2016 às 10:39
Como gostava de entender a vida. O Porquê. :(


De Flor de Jasmim a 19 de Novembro de 2016 às 19:42
Magnifico!

Bom fim de semana Manu.

Beijinho


De contempladora ocidental a 20 de Novembro de 2016 às 13:44
Primeiro foquei no rosto enrugado, sinal de muitos anos passados, muitas dificuldades talvez... Depois reparei no cuidado com o vestuário. E fiquei a pensar... para onde iriam estas senhoras mais velhas?
Mais uma bela fotografia, Manu.
Bjos : )


De Janita a 20 de Novembro de 2016 às 18:04
A Vida não se explica: Vive-se! Cada Continente, cada país, tem uma forma diferente de encarar a vida e de a sentir. Culturas ancestrais pesam muito nas diferentes formas de viver. Adorei a foto e os rostos sulcados pelo tempo, das senhoras de idade. Para onde vão? O que pensam? Incógnitas, que a tua bela foto não pode revelar; revelando muito!

Beijinhos, Manu.


De Elisa Fardilha a 21 de Novembro de 2016 às 11:18
Vidas sofridas,sublimemente retratadas.

Beijinhos.


Comentar post

Direitos de Autor Nenhuma parte deste site pode ser reproduzida sem a prévia permissão do autor. Todas as fotografias estão protegidas pelo Decreto-Lei n.º 63/85, de 14 de Março. Uma vez que a maioria das fotografias foram feitas em locais públicos mas sem autorização dos intervenientes, se por qualquer motivo não desejarem que sejam divulgadas neste blog entrem em contacto comigo para que sejam retiradas de imediato. manuelapereira3@sapo.pt

.Quem me segue

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 227 seguidores

.pesquisar

 

.Novembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

13
14
16
18

19
22
23
24
25

26
27
28
29
30


.posts recentes

. Quem sou eu?

. Porta número 8

. O templo dourado

. Caíram desamparadas

. Fui lá...

. Tudo ao contrário

. Há pano para mangas

. Eu quero uma casa no camp...

. A descer

. Chapéus há muitos

.arquivos

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

.tags

. todas as tags

.favoritos

. O regresso

. A MORTE e as PENAS.

. As cores do tempo

. ...Ah e tal são meras Teo...

. O cheiro da luz

. Um Livro, Uma Imagem

. A verdadeira história de ...

. CARTA À MINHA AMIGA INÊS

.links

.Lista de links

.Quem me visita

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

.links

SAPO Blogs

.subscrever feeds