Domingo, 16 de Março de 2014

Vou para onde o vento me levar

As pessoas mais felizes não têm as melhores coisas.
Elas sabem fazer o melhor das oportunidades que aparecem em seus caminhos.

Clarice Lispector
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

publicado por Existe um Olhar às 11:47
link do post | comentar | favorito
|
22 comentários:
De luadoceu a 16 de Março de 2014 às 13:08
Que imagem linda manu
E como concordo com as palavras ditas
Bom domingo e cheio de sol e calor


De Existe um Olhar a 17 de Março de 2014 às 15:58
Obrigada Lua!
Hoje segunda feira, resta-me desejar-te uma óptima semana.

Beijos


De Elisa Fardilha a 16 de Março de 2014 às 19:56
É o mesmo que ires para onde o coração te levar!

Belíssima foto...de MESTRE!

Beijinhos.


De Existe um Olhar a 17 de Março de 2014 às 15:59
Nem sempre o coração me deixa ir para onde quero, mas a minha teimosia, por vezes fala mais alto.

Beijos Elisa


De Questiuncas a 17 de Março de 2014 às 10:54
Da forma que os ramos estão, até parece que está a chover.


De Existe um Olhar a 17 de Março de 2014 às 16:01
Como é um chorão e fazia-se sentir uma leve aragem, deu este efeito.
Obrigada pela visita.


De Remus a 17 de Março de 2014 às 12:27
«Vou para onde o vento me levar»
Depende da força do vento. Se for um ciclone ou um furacão, é natural que vá parar a muito longe, mas se for uma leve brisa é natural que fique perto ou que até nem saia do sitio onde está.
Eu acho que é melhor ir para onde quer realmente ir e deixar o vento de fora da equação. Monte no seu tapete mágico e parta à descoberta.



De Existe um Olhar a 17 de Março de 2014 às 16:04
Geralmente gosto que o vento sopre forte para ir para bem longe, outras vezes venha ele com a força que vier recolho-me no meu canto e dou descanso ao tapete

Beijos Remus


De Ana Freire a 17 de Março de 2014 às 13:18
Belíssima chuva de folhas, Manu!
Ultimamente tenho-me cruzado com o nome dessa autora várias vezes, mas que ainda não conheço.
A ver se lhe presto mais atenção, um dia destes...
Quem sabe não terá alguma coisa para me dizer?...
Ultimamente ando mais numa de Paulo Coelho... Com o seu Manual do Guerreiro da Luz... muito apropriado agora que os dias estão a ficar maiores...
Beijos e continuação de óptima estadia.
Ana


De Existe um Olhar a 17 de Março de 2014 às 16:08
Gosto muito desta autora Ana e tem muito a ver comigo. Já passei a fase do Paulo Coelho e penso que não nenhum livro dele que não tenha lido, comecei com o Diário de um Mago...ou seja tudo tem um tempo para acontecer até os livros que nos vêm parar à mão.
A minha estadia está a ser óptima, embora não esteja de férias, em breve regressarei.
Gosto de andar a saltitar de um lado para o outro , mas fico sempre com saudades de voltar ao meu ninho.

Beijos Ana


De Rute a 17 de Março de 2014 às 14:07
É um chorão, não é? Ficou um 'efeito' muito giro, a parecer mesmo que a árvore está a ser fustigada pelo vento. Gostei muito:)

Beijinhos


De Existe um Olhar a 17 de Março de 2014 às 16:10
É um chorão sim Rute e nunca vi nenhum tão grande e como soprava uma aragem as folhas baloiçavam suavemente provocando este efeito.

Beijos Rute


De Miguel Alexandre Pereira a 17 de Março de 2014 às 14:59
É fantástico como consegues trazer imagens sempre interessantes e muito bonitos. Fazem do teu espaço muito especial :)


De Existe um Olhar a 17 de Março de 2014 às 16:13
Simpatia tua Miguel, nem sempre o que quero corresponde ao que coloco aqui, por vezes há que estar atenta aos detalhes e como sou um pouco despassarada, muita coisa passa-me ao lado, mas eu tento.

Beijos Miguel


De cristina a 17 de Março de 2014 às 18:07
Manu , não vás para muito longe...
Beijos


De Existe um Olhar a 17 de Março de 2014 às 20:16
Não Eu suporto bem os vendavais.

Beijos Cristina


De miilay a 17 de Março de 2014 às 22:10
Manu, a foto está fantástica como sempre, e foi um clique soberbo, o momento. Eu andei uns anos atrás, pois tive dois vidoeiros aqui no meu pátio, quando o deitamos abaixo, tinha um metro, mais ou menos de diâmetro, a parte mais larga do seu tronco, mas... partiu-me o cimento do chão todo e as raízes, levantam tudo por onde passam, mas adoro essas árvores.
Um abraço
miilay


De Existe um Olhar a 18 de Março de 2014 às 16:34
Esta não era um vidoeiro, era um chorão enorme, como nunca tinha visto e a brisa que corria fazia-o baloiçar suavemente.

Beijos Miilay


De Alexandra Rosa a 19 de Março de 2014 às 12:16
Essa fotografia faz-me lembrar o filme do "Avatar" :)

Gosto
*


De Existe um Olhar a 19 de Julho de 2015 às 13:13
Boa comparação

Beijos Alexandra


Comentar post

Direitos de Autor Nenhuma parte deste site pode ser reproduzida sem a prévia permissão do autor. Todas as fotografias estão protegidas pelo Decreto-Lei n.º 63/85, de 14 de Março. Uma vez que a maioria das fotografias foram feitas em locais públicos mas sem autorização dos intervenientes, se por qualquer motivo não desejarem que sejam divulgadas neste blog entrem em contacto comigo para que sejam retiradas de imediato. manuelapereira3@sapo.pt

.Quem me segue

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 226 seguidores

.pesquisar

 

.Novembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

13
14
16
18

19
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


.posts recentes

. Porta número 8

. O templo dourado

. Caíram desamparadas

. Fui lá...

. Tudo ao contrário

. Há pano para mangas

. Eu quero uma casa no camp...

. A descer

. Chapéus há muitos

. Tu que passas...

.arquivos

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

.tags

. todas as tags

.favoritos

. O regresso

. A MORTE e as PENAS.

. As cores do tempo

. ...Ah e tal são meras Teo...

. O cheiro da luz

. Um Livro, Uma Imagem

. A verdadeira história de ...

. CARTA À MINHA AMIGA INÊS

.links

.Lista de links

.Quem me visita

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

.links

SAPO Blogs

.subscrever feeds