Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Existe um Olhar

Não te preocupes com os que não te conhecem, mas esforça-te por seres digno de ser conhecido. (Confúcio)

Existe um Olhar

Não te preocupes com os que não te conhecem, mas esforça-te por seres digno de ser conhecido. (Confúcio)

Imenso e possível oceano

Janeiro 23, 2011

Existe um Olhar

 

 

 

E ao imenso e possível oceano
Ensinam estas quinas, que aqui vês
Que o mar com fim é grego ou romano
Que o mar sem fim é Português
(Fernando Pessoa)

 

Praia do Baleal-Peniche

Janeiro de 2011

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

De tarde anoiteço

Janeiro 22, 2011

Existe um Olhar

 

De manhã escureço
De dia tardo
De tarde anoiteço

De noite ardo A oeste a morte
Contra quem vivo
Do sul cativo
O este é meu norte.

Outros que contem
Passo por passo:
Eu morro ontem

Nasço amanhã
Ando onde há espaço:
- Meu tempo é quando.

(Vinícius de Moraes)

Foz do Arelho

Janeiro de 2011

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

O que me tranquiliza

Janeiro 20, 2011

Existe um Olhar

O que me tranquiliza
é que tudo o que existe,
existe com uma precisão absoluta.
O que for do tamanho de uma cabeça de alfinete
não transborda nem uma fração de milímetro
além do tamanho de uma cabeça de alfinete.
Tudo o que existe é de uma grande exatidão.
Pena é que a maior parte do que existe
com essa exatidão
nos é tecnicamente invisível.
O bom é que a verdade chega a nós
como um sentido secreto das coisas.
Nós terminamos adivinhando, confusos,
a perfeição

 

(Clarice Lispector)

Suiça.-Outubro de 2010

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

As ondas apressadas

Janeiro 19, 2011

Existe um Olhar

 

Uma após uma as ondas apressadas
Enrolam o seu verde movimento
E chiam a alva 'spuma
No moreno das praias.

Uma após uma as nuvens vagarosas
Rasgam o seu redondo movimento
E o sol aquece o 'spaço
Do ar entre as nuvens 'scassas.

Indiferente a mim e eu a ela,
A natureza deste dia calmo
Furta pouco ao meu senso
De se esvair o tempo.

Só uma vaga pena inconsequente
Pára um momento à porta da minha alma
E após fitar-me um pouco
Passa, a sorrir de nada.

Ricardo Reis, in "Odes"
Heterónimo de Fernando Pessoa

 

Foz do Arelho

!9 de Janeiro de 2011

 

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Fantasia solitária

Janeiro 19, 2011

Existe um Olhar

"Se a pessoa tiver sorte, uma fantasia solitária pode transformar-se totalmente em um milhão de realidades." (Maya Angelou)

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Portas do Sol

Janeiro 18, 2011

Existe um Olhar

 

 

 

 

 

 

 

Portas do Sol-Santarém

Janeiro de 2011

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Olhares

Janeiro 17, 2011

Existe um Olhar

 

 

 

"É necessário abrir os olhos e perceber que as coisas boas estão dentro de nós, onde os sentimentos não precisam de motivos nem os desejos de razão.
O importante é aproveitar o momento e aprender sua duração, pois a vida está nos olhos de quem saber ver"

Gabriel García Marquez
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

A neve

Janeiro 16, 2011

Existe um Olhar

 

 

A Neve

 

A neve pôs uma toalha calada sobre tudo.
Não se sente senão o que se passa dentro de casa.
Embrulho-me num cobertor e não penso sequer em pensar.
Sinto um gozo de animal e vagamente penso,
E adormeço sem menos utilidade que todas as ações do mundo.

Alberto Caeiro, in "Poemas Inconjuntos"
Heterónimo de Fernando Pessoa

 

Lapónia-Dezembro de 2010

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Amanhã voltará de novo

Janeiro 14, 2011

Existe um Olhar

 

Pôr do Sol

!2 de Janeiro de 2011

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Quando ouço o vento passar

Janeiro 13, 2011

Existe um Olhar

As vezes ouço passar o vento; e só de ouvir o vento passar, vale a pena ter nascido.

Fernando Pessoa

 

Moinho em Porto Santo

Setembro de 2009

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Direitos de Autor Nenhuma parte deste site pode ser reproduzida sem a prévia permissão do autor. Todas as fotografias estão protegidas pelo Decreto-Lei n.º 63/85, de 14 de Março. Uma vez que a maioria das fotografias foram feitas em locais públicos mas sem autorização dos intervenientes, se por qualquer motivo não desejarem que sejam divulgadas neste blog entrem em contacto comigo para que sejam retiradas de imediato. manuelapereira3@sapo.pt

Quem me segue

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

links

Quem me visita

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Lista de links

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D