Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Existe um Olhar

Não te preocupes com os que não te conhecem, mas esforça-te por seres digno de ser conhecido. (Confúcio)

Existe um Olhar

Não te preocupes com os que não te conhecem, mas esforça-te por seres digno de ser conhecido. (Confúcio)

Eu sou a Soly


Existe um Olhar

31.08.17

DSCN0172.JPG

Faço 1 ano no dia 22 de Setembro e sou de boa raça... Bolonka, sou pequena, não largo pêlo, adoro brincar e sou obediente.
Vivo num apartamento espaçoso e cuidam muito bem de mim. Saio todos os dias e as minhas donas de vez em quando levam-me na bicicleta, colocam-me num cestinho muito confortável e lá vou eu muito contente com o vento a bater-me no pêlo.

A minha dona mais nova tem 9 anos e tanto pediu à mãe um cão que decidiram escolher-me. Sou uma sortuda porque vivo num país muito bonito e até já viajei de avião até Portugal.
Gostava que todos os cães fossem tão bem tratados como eu, pelo que já ouvi dizer, há muita gente que os abandona e outros vivem na rua sem dono e são maltratados. Sou nova , mas reconheço que não é justo os maus tratos a que tantos estão sujeitos.

É só a brisa que passa


Existe um Olhar

28.08.17

_MG_9997.JPG

 

 

Sorriso audível das folhas,
Não és mais que a brisa ali.
Se eu te olho e tu me olhas,
Quem primeiro é que sorri?
O primeiro a sorrir ri.

Ri, e olha de repente,
Para fins de não olhar,
Para onde nas folhas sente
O som do vento passar.
Tudo é vento e disfarçar.

Mas o olhar, de estar olhando
Onde não olha, voltou;
E estamos os dois falando
O que se não conversou.
Isto acaba ou começou?

Fernando Pessoa

Estar com a telha


Existe um Olhar

27.08.17

IMG_4399 (2).JPG

Geralmente diz-se de uma pessoa que refila por tudo e por nada, apresenta o sobrolho carregado,  anda mal disposta. e explode com facilidade quando se fala com ela.

Eu felizmente não estou com a telha

Por onde passo


Existe um Olhar

24.08.17

IMG_5399.JPG

"E depois de partir, poder voltar e dizer este aqui é o meu lugar. Poder assistir ao entardecer e saber que vou ver o sol raiar."

Vinícius de Moraes e Toquinho

Lisboa vista do alto


Existe um Olhar

22.08.17

IMG_6728 - Cópia.JPG

Muita cor, muito movimento, é bom contemplar e visitar, mas só de vez em quando, para mim é muita confusão, prefiro a paz do meu canto.

Perdida no tempo


Existe um Olhar

20.08.17

 

_MG_3263 (1).JPG

 

Esqueceu-se que o tempo tinha passado, ficou ali a lembrar o tempo em que era verde e jovem agarrada à mãe árvore.

Lembrou as cores brilhantes, o viço dos dias de verão, o amarelo/alanrajado do Outono.
Um dia uma brisa que passou fez com que se deprendesse da árvore e caiu, a partir daí passou a viver de sonhos e ilusões e desejou que o tempo voltasse para trás.
Se ela me me ouvisse dir-lhe-ia uma frase de Sébastien-Roch Chamfort

 

"O prazer pode apoiar-se sobre a ilusão, mas a felicidade repousa sobre a realidade."

 

 

Umas vezes pinga outras não


Existe um Olhar

18.08.17

IMG_5054 (1).JPG


Como torneira
Que pinga
Gota a gota
E ninguém liga,
Assim o tempo
Leva de nós
Aos poucos
A vida...

Davi Roballo

Castelo de Montalegre


Existe um Olhar

16.08.17

IMG_4800a.jpg

O Castelo de Montalegre foi construído já tardiamente, inserindo-se no movimento empreendido por D. Afonso III para a reorganização das fornteiras a oeste e a este de Chaves. O objetivo da sua construção foi o de que a fronteira setentrional de Trás-os-Montes fosse dotada de uma efetiva ordem territorial e jurídica, que deveria ficar sob o poder do Rei. No entanto, esse domínio régio durou pouco tempo, sendo que, ainda antes do término do século XIII, Pedro Anes recebeu, por parte do rei D. Dinis, a carta de foral de Montalegre, com o objetivo de povoar estas terras, já que, por essa altura, Montalegre encontrava-se completamente deserta.

Situado na Freguesia, Vila e Concelho de Montalegre, no distrito de Vila Real, em Portugal, no topo de um monte granítico, 

Liberta-te


Existe um Olhar

14.08.17

IMG_5097.JPG

 

O pior cárcere não é o que aprisiona o corpo, mas o que asfixia a mente e algema a emoção. Sem liberdade, as mulheres sufocam seu prazer. Sem sabedoria, os homens se tornam máquinas de trabalhar.

Augusto Cury

Meus olhos e eu


Existe um Olhar

13.08.17

IMG_5506a.jpg


De frente ao espelho,
“eu e meus eus”,
meus olhos e eu
observando 
os reflexos ampliados
das marcas do tempo,
no corpo e na alma

Direitos de Autor Nenhuma parte deste site pode ser reproduzida sem a prévia permissão do autor. Todas as fotografias estão protegidas pelo Decreto-Lei n.º 63/85, de 14 de Março. Uma vez que a maioria das fotografias foram feitas em locais públicos mas sem autorização dos intervenientes, se por qualquer motivo não desejarem que sejam divulgadas neste blog entrem em contacto comigo para que sejam retiradas de imediato. manuelapereira3@sapo.pt

Quem me segue

Pág. 1/2

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

links

Lista de links

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D