Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Existe um Olhar

Não te preocupes com os que não te conhecem, mas esforça-te por seres digno de ser conhecido. (Confúcio)

Existe um Olhar

Não te preocupes com os que não te conhecem, mas esforça-te por seres digno de ser conhecido. (Confúcio)

Como é difícil ver o natural!


Existe um Olhar

31.03.19

IMG_8094.JPG

Que renda fez a tarde no jardim, 
Que há cedros que parecem de enxoval? 
Como é difícil ver o natural 
Quando a hora não quer! 
Ah! não digas que não ao que os teus olhos 
Colham nos dias de irrealidade. 
Tudo então é verdade, 
Toda a rama parece 
Um tecido que tece
A eternidade

Miguel Torga

 

 

Hoje o dia começou assim


Existe um Olhar

29.03.19

IMG_8469.JPG

 

IMG_8467.JPG

IMG_8437.JPG

Uma praia deserta de difícil acesso, mar calmo, temperatura fantástica, o que é anormal a oeste e apenas três surfistas desbravavam as ondas.
Foi bom estar!

 

Ver e atravessar


Existe um Olhar

28.03.19

IMG_5749.jpg

Vê que a vida é uma grande ponte,
Não construas nela tua casa,
Atravessa somente...

Provérbio budista

A cidade de Mirandela localiza-se no Vale do Rio Tua, numa zona aplanada de solos muito férteis onde se cultivam oliveiras. À sua volta, encontram-se muitos monte e, por essas razões, em Mirandela verifica-se um microclima  caracterizado por  verões abafados e quentes, que lhe dão a alcunha de  Terra Quente Transmontana.

 

Até para ser cão é preciso ter sorte


Existe um Olhar

27.03.19

IMG_8054.JPG

Há os que são tratados com as maiores mordomias e outros são abandonados e vítimas de maus tratos.
Curioso saber que as famílias portuguesas têm mais cães ou gatos que crianças.
Vejam o link que deixei aqui de  uma reportagem transmitida pela Sic e que diz mais do que qualquer palavra minha, mas o certo é que senti um pouco de inveja quando vi a reportagem, também eu gostava de ter alguém que me levasse a passear, dar banhinho, cortar o cabelo, etc

https://sicnoticias.pt/programas/reportagemespecial/2019-03-23-Amigos-de-Estimacao-do-afeto-ao-abandono

Não se pode ter tudo


Existe um Olhar

25.03.19

20190324_153628.jpg

IMG_8095.JPG

Lagoa de Óbidos, numa margem a praia da da Foz do Arelho, na margem sul a praia do Bom Sucesso.
Mesmo em dias de sol, há sempre um ventinho irritante, vento esse que agrada aos que praticam Parapente que aproveitam  para se lançarem de um maciço calcário  (o Gronho) e é vê-los cruzarem o céu num espectáculo de cor, que é um prazer para quem vê e mais para quem pratica.
Como não se pode ter tudo, há sempre uma duna acolhedora onde me refugio e assim tenho o melhor de dois mundos, sol e cores no céu.

Até os gatos gostam


Existe um Olhar

24.03.19

IMG_5471.CR2gatos.jpg

Falo do sol, que por aqui tem brilhado!

Já se fala de seca


Existe um Olhar

21.03.19

IMG_8003.JPG

Segundo o que tenho ouvido nas notícias, a falta de chuva já está a preocupar os agricultores, sobretudo os do sul.
Tem feito frio, mas tem chovido muito pouco.
O que acho mais estranho, são as regras automáticas dos jardins de certas cidades em que pode estar a chover a cântaros  que a relva continua a ser regada.
Não acho normal!

Renascendo


Existe um Olhar

20.03.19

IMG_8034.JPG

Ainda há pouco tempo tudo estava seco e parecia morto e de repente tudo renasce, é o eterno milagre da natureza e um ciclo que nunca pára.

Secagem de cacau na roça de Claudio Corallo


Existe um Olhar

18.03.19

IMG_6560.jpg

No dia 1 de Junho de 2017 um grupo de pessoas que me acompanharam a S. Tomé e Princípe, visitou  e conversou com  Claudio Corallo que nos recebeu  na sua roça do Terreiro Velho.

Contou um pouco da sua vida e  mostrou-nos  o lugar onde se secava o cacau, para depois ser ensacado e levado para S. Tomé para ser transformado em chocolate, que tem fama de ser o melhor chocolate do mundo , eu provei e gostei.
Actualmente é um eremita que vive sozinho e  podem ver a casa onde vive e todo o processo que sofre o cacau até chegar ao produto final. No vídeo que vos deixo podem ver todo o processo.
Como teve uma vida muito preenchida deixo aqui o link que conta todo o percurso deste homem notável e lutador.

 

A olhar o mar


Existe um Olhar

17.03.19

IMG_1393 neste mar - Cópia.JPG

Aqui nessa pedra, alguém sentou para olhar o mar. O mar não parou para ser olhado. Foi mar pra tudo que é lado

Paulo Leminski

 
 
 
 
 
Direitos de Autor Nenhuma parte deste site pode ser reproduzida sem a prévia permissão do autor. Todas as fotografias estão protegidas pelo Decreto-Lei n.º 63/85, de 14 de Março. Uma vez que a maioria das fotografias foram feitas em locais públicos mas sem autorização dos intervenientes, se por qualquer motivo não desejarem que sejam divulgadas neste blog entrem em contacto comigo para que sejam retiradas de imediato. manuelapereira3@sapo.pt

Quem me segue

Pág. 1/2

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

links

Lista de links

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D