Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Existe um Olhar

Não te preocupes com os que não te conhecem, mas esforça-te por seres digno de ser conhecido. (Confúcio)

Existe um Olhar

Não te preocupes com os que não te conhecem, mas esforça-te por seres digno de ser conhecido. (Confúcio)

Solidão acompanhada


Existe um Olhar

19.09.12

...Que minha solidão me sirva de companhia.
que eu tenha a coragem de me enfrentar.
que eu saiba ficar com o nada
e mesmo assim me sentir
como se estivesse plena de tudo.

 
No anfiteatro da Fundação Calouste Gulbenkian
Setembro de 2012
 
 

Nos jardins do Buçaco


Existe um Olhar

23.06.12

 
 
 
Se não houver frutos, valeu a beleza das flores, se não houver frutos, valeu a sombra das folhas, se não houver folhas valeu a intenção da semente.
(Henfil)
 
Buçaco-Junho de 2012
 
 

MACHU PICCHU - 1


Existe um Olhar

20.11.11

 
 
 
 
 
 
Este complexo arqueológico permaneceu escondido até há 100 anos atrás quando em 1911 o explorador norte americano, Hiram Bingham o tornou público.
Pensa-se que tenha sido uma cidade sagrada onde residia gente escolhida, provavelmente da nobreza Inca.
De difícil acesso nunca foi atacada pelos espanhóis.
Tem duas zonas distintas, uma reservada ao sector urbano onde se situavam os templos e outra em socalcos para a agricultura.
Pelo que ouvi os Incas eram peritos em astronomia construindo em sítios estratégicos janelas que determinavam a chegada dos solstícios de Verão e o de Inverno e ainda determinaram com precisão o norte magnético e o geográfico.
Muito mistério continua ao redor de toda esta construção, onde nada é deixado ao acaso e tudo parece ter uma razão de ser.
Actualmente é permitida diariamente a entrada a 2500 pessoas, o que acho demasiado, dado o perigo que por vezes pode surgir com quedas devido às escadas demasiado toscas e acidentadas. A Unesco está a estudar a hipótese de reduzir este número para 250.
Visitar Machu Picchu foi a concretização de um sonho que tinha há muito.
Sente-se uma energia e uma paz muito especial e a magnificência deste local deixou-me sem palavras.
 
Novembro de 2011
 
 
 

De volta ao Parque dos Monges


Existe um Olhar

05.10.11

Não fui de vespa
 
Nem de canoa
 
Cheguei ou melhor chegámos porque 3 amigas da blogosfera, foram comigo.
Nenhuma delas se dedica à fotografia e apesar de num post anterior ter desafiado os amantes de fotografia para passarmos o dia neste local, ninguém pode aparecer, ou melhor, apareceu uma....
 
 

 

Cheias de fome dirigimo-nos à cafetaria onde com a simpatia e bom serviço de sempre nos serviram.
Já sentada, ouço alguém dizer...Manu???
Era uma senhora super simpática acompanhada da família e que tem um blog de fotos, cujo link tenho neste blog.
Era a última pessoa que eu imaginava que pudesse aparecer.
Foi uma agradável surpresa!
 
 
 
Desta vez havia muita gente no parque, uns passeavam com os flhos, outros andavam de canoa ou gaivota enquanto os mais pequenos se  entretinham a saltar nos insufláveis.
Os mais audazes entretinham-se a fazer slide.
 
 
Apesar do calor, foi uma tarde bem passada.
As flores por ali ficaram, salpicando as margens do lago.
Nas águas tranquilas os patos deslizavam com desenvoltura
E eu...eu voltarei, sem dúvida.

Parque dos Monges- Desafio


Existe um Olhar

28.09.11

 
  
 
No próximo dia 5 de Outubro e caso o tempo o permita, desafio todos os amantes de fotografia e outros que gostam de conhecer o que de melhor temos em Portugal a juntarmo-nos para fazermos uma visita a este espaço.
O local de encontro será nas Caldas da Rainha por volta das 11 horas.
Quem estiver interessado poderá enviar-me um email para manuelapereira3@sapo.pt, para que possa avisar os serviços da nossa visita, caso sejamos muitos e fornecer outras informações que julguem importantes.
Com farnel ou preferindo comer uma refeição ligeira na cafetaria, o importante é o convívio e o conhecimento de um espaço que permite grande mobililidade e liberdade de movimentos, espalhando-se cada um pelos locais que mais gostarem.
Direitos de Autor Nenhuma parte deste site pode ser reproduzida sem a prévia permissão do autor. Todas as fotografias estão protegidas pelo Decreto-Lei n.º 63/85, de 14 de Março. Uma vez que a maioria das fotografias foram feitas em locais públicos mas sem autorização dos intervenientes, se por qualquer motivo não desejarem que sejam divulgadas neste blog entrem em contacto comigo para que sejam retiradas de imediato. manuelapereira3@sapo.pt

Quem me segue

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

links

Lista de links

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D