Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Existe um Olhar

Não te preocupes com os que não te conhecem, mas esforça-te por seres digno de ser conhecido. (Confúcio)

Existe um Olhar

Não te preocupes com os que não te conhecem, mas esforça-te por seres digno de ser conhecido. (Confúcio)

Ela não pára


Existe um Olhar

17.05.16

IMG_9285.JPG

Ela pula, ela dança , ela não pára. 

Se entrasse hoje para a escola, diriam talvez que era hiperactiva, mas não, é hiper bem disposta, hiper bem humorada, hiper alegre e com uma energia inegualável.
A Libel, a Girassola nomes com que é carinhosamente tratada, foi das primeiras amigas que conheci na blogosfera.

Temos feito algumas viagens juntas, divertimo-nos à brava e nunca estamos mal junto dela.

A minha amiga Isabel hoje completa mais um aniversário.
Parabéns, parabéns, parabéns...sabes o que desejo para ti, como sempre o melhor e mais não digo para não estragar.

 

 

Mulher, mãe, amiga...


Existe um Olhar

09.05.15

1-116737525_307689320585133_7044624564867780855_n

A C. é uma mulher que eu admiro e hoje especialmente quero dedicar-lhe algumas palavras.

Foi minha aluna , no meu primeiro ano de trabalho. Mais tarde foi uma espécie de segunda mãe para o meu filho e uma ajuda preciosa para a vida dos dois.

A vida dá muitas voltas e felizmente, um dia resolveu emigar para a Suíça , onde casou.

Hoje vive uma vida equilibrada e quem já me segue por aqui sabe que de vez em quando dou um saltinho à Suíça, onde ela e o marido me acolhem como se fosse da família.

Nem tudo foram rosas na vida desta mãe "coragem" e muito podia contar sobre o que teve de sofrer para poder concretizar  todos os seus sonhos.

Hoje em muitos países comemora-se o Dia da Mãe, por isso decidi , lembrar este dia , antes de regressar a Portugal (caso tenha voo) e em jeito de agradecimento dedicar-lhe este post.

Sei que nunca conseguirei retribuir o que tem feito por mim, talvez um simples "muito obrigada" , seja o máximo que consigo fazer para exprimir toda a gratidão e admiração por esta mulher que vi crescer e que me orgulho ter como amiga.

 

 

 

Para a minha amiga Julieta


Existe um Olhar

14.01.15

 Há alguns anos, não muitos, quando da minha visita ao Brasil, tive o previlégio de conhecer  Julieta do blogue Reconstruindo Caminhos
Fui recebida como uma rainha. Nunca vou esquecer a gentileza, simpatia e carinho com que me recebeu e os lugares fantásticos que me deu a conhecer.

Apesar de um oceano nos separar, continua a existir um elo de grande amizade e cumplicidade entre nós.

Hoje e nesta altura tão especial na vida de Julieta, quero deixar aqui um momento dos mais bonitos que vivemos que foi o pôr do sol em Jacaré e fazer com que sinta que há alturas em que devemos estar mais perto de quem gostamos  e em que toda a energia é necessária para superar algumas rasteiras que a vida nos prega.

Sei que é uma "Grande Senhora" com uma força invejável e uma fé inabalável.

Sei que o longe se pode fazer perto e que a distância nunca será impedimento para que me sinta bem próxima.

Espero que volte muito em breve a escrever numa folha em branco um novo recomeço e reconstruindo caminhos com a mesma emoção e paixão com que as palavras saiam soltas do fundo da alma.

Saiba que estou sempre por aqui, minha amiga.

 

 

Ele e Ela


Existe um Olhar

17.05.13

Ele é um jovem simpático e dos raros que encontro que gosta de ser fotografado, ela é a mamã, a Isabel, ou Libel para os mais íntimos e dona do blog  O Meu Cantinho
Minha amiga de longa data, primeiro no mundo virtual, despois no real. Apesr da distância que nos separa de tempos a tempos juntamo-nos e é sempre uma festa. Mulher de um humor, energia, boa disposição contagiantes e sempre pronta a ajudar com uma palavra amiga e sincera, hoje em jeito de agradecimento pela amizade que me dedica deixo aqui estas fotos desejando-lhe um FELIZ ANIVERSÁRIO!
 

 

 
PARABÉNS AMIGA!
 
 

Explosão


Existe um Olhar

30.04.13

Mar, metade da minha alma é feita de maresia
Pois é pela mesma inquietação e nostalgia,
Que há no vasto clamor da maré cheia,
Que nunca nenhum bem me satisfez.
E é porque as tuas ondas desfeitas pela areia
Mais fortes se levantam outra vez,
Que após cada queda caminho para a vida,
Por uma nova ilusão entontecida.
E se vou dizendo aos astros o meu mal
É porque também tu revoltado e teatral
Fazes soar a tua dor pelas alturas.
E se antes de tudo odeio e fujo
O que é impuro, profano e sujo,
É só porque as tuas ondas são puras.

Sophia de Mello Breyner Andresen
 
Ps. Hoje dedico esta foto a uma amiga que está na Colômbia a trabalhar e me disse que tinha saudades do mar.
 
 

É sempre dia para oferecer flores


Existe um Olhar

21.02.13

Não tenho dias para oferecer flores ou seja o que for. Gosto de dar quando encontro algo que se coaduna com a pessoa e por vezes deixo passar datas importantes, mas para os que me conhecem, sabem que não ofereço naquele dia porque tem que ser. Ofereço quando o meu coração diz para o fazer, e quando encontro algo que tem a ver com a pessoa em questão.
Hoje esta fotografia é dedicada à minha amiga Golimix.
 
 

Mais sobre mim

foto do autor

links

Contador de visitas

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D