Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Existe um Olhar

Não te preocupes com os que não te conhecem, mas esforça-te por seres digno de ser conhecido. (Confúcio)

Existe um Olhar

Não te preocupes com os que não te conhecem, mas esforça-te por seres digno de ser conhecido. (Confúcio)

Apenas crianças!

01.06.11, Existe um Olhar
      Eu bem sei que te chamam pequenina E ténue como o véu solto na dança, Que és no juizo apenas a criança, Pouco mais, nos vestidos, que a menina... Que és o regato de água mansa e fina, A folhinha do til que se balança, O peito que em correndo logo cansa, A fronte que ao soffrer logo se inclina... Mas, filha, lá nos montes onde andei, Tanto me enchi de angústia e de receio Ouvindo do infinito os fundos ecos, Que não quero imperar nem já ser rei Senão (...)
Direitos de Autor Nenhuma parte deste site pode ser reproduzida sem a prévia permissão do autor. Todas as fotografias estão protegidas pelo Decreto-Lei n.º 63/85, de 14 de Março. Uma vez que a maioria das fotografias foram feitas em locais públicos mas sem autorização dos intervenientes, se por qualquer motivo não desejarem que sejam divulgadas neste blog entrem em contacto comigo para que sejam retiradas de imediato. manuelapereira3@sapo.pt

Quem me segue