Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Existe um Olhar

Não te preocupes com os que não te conhecem, mas esforça-te por seres digno de ser conhecido. (Confúcio)

Existe um Olhar

Não te preocupes com os que não te conhecem, mas esforça-te por seres digno de ser conhecido. (Confúcio)

Neblina nem sempre é sinal de frio


Existe um Olhar

11.02.20

IMG_1939 (1).JPG

Tirei esta foto num dia de muito calor. Estamos habituados a ver dias nublados quando está frio, aqui sucedeu o contrário.

Tendo em conta os mecanismos físicos que causam a sua formação, bem como os locais onde se formam, podemos nomear diferentes tipos de neblina. Alguns dos tipos mais importantes e comuns que podemos encontrar são os seguintes:

São comuns em áreas da Península e foram e serão protagonistas sempre que tivermos situações de domínio anticiclónico. Elas  formam-se durante a noite e são necessários céus limpos e ventos nulos ou muito fracos. O céu limpo permite que todo o calor acumulado durante o dia na superfície da Terra seja libertado para as camadas superiores, o que causa um resfriamento da camada superficial o suficiente para causar o aumento da humidade e condensar o vapor de água, formando neblina . Eles são formados ao nível do solo e, graças à ausência de vento (o que impede a mistura de ar húmido e frio com as camadas superiores), eles geralmente permanecem estacionários.

 

Longe do mundo


Existe um Olhar

13.10.18

IMG_3023.JPG

Nem o céu é o limite quando os sonhos, são maiores que o próprio universo!

Há dias sem sol


Existe um Olhar

03.03.17

 

_MG_5932.JPG

 De vez em quando gosto deles nublados, assim posso dar mais valor quando ele brilha.

Ainda ontem tudo era claro


Existe um Olhar

04.02.17

020a.jpg

Hoje o dia amanheceu
Com nevoeiro.

Ainda ontem tudo era claro
Triste, mas claro.
Estranho!

Hoje, nessa neblina
Nada é muito certo
Os caminhos meio escuros
Mas o dia parece mais leve
Parece mais alegre.
A névoa não me deixa
Enxergar exatamente o que está a frente
Mas hoje...

Hoje essa névoa
Se chama Esperança.

Alessandro de Castro

O manto


Existe um Olhar

01.01.17

bi5rZWfR3S5S4AUtv5ZM

Hoje, primeiro dia do ano de 2017, cumpri um ritual que já faço há muito, fui ver o mar!
Não vi o sol que brilhou no dia anterior, um manto de neblina pairava e o horizonte estava escuro, sem me deixar vislumbrar mais além, contudo não fiquei triste, tenho a certeza que amanhã ou noutro dia o sol brilhará.

Hoje contentei-me com o cheiro a maresia e que bem me senti!

 

 

 

 

Estranho caminhar


Existe um Olhar

23.12.16

_MG_9702a.jpg

 Estranho é caminhar na densa névoa:
Solitária esta cada planta ou pedra,
Nenhum arbusto enxerga o seu vizinho,
Cada um está só.
Cheio de amigos era, para mim, o mundo
Quando luminosa ‘inda era minha vida;
Agora que a névoa caiu,
Ninguém mais é visível.

Não é deveras um sábio
Quem não conhece a escuridão
Que, suavemente, nos separa
De tudo inexorável.

Estranho é caminhar na densa névoa:
Viver é estar solitário
Entre gente que se ignora.
Todos estamos sós!

Hermann Hesse

 

 

 

 

 

Quando a névoa caiu


Existe um Olhar

28.10.16

889dQBwaoJlb6cjw7dAL

Estranho é caminhar na densa névoa:
Solitária está cada planta ou pedra,
Nenhum arbusto enxerga o seu vizinho,
Cada um está só.
Cheio de amigos era, para mim, o mundo
Quando luminosa ‘inda era minha vida;
Agora que a névoa caiu,
Ninguém mais é visível.

Não é deveras um sábio
Quem não conhece a escuridão
Que, suavemente, nos separa
De tudo inexorável.

Estranho é caminhar na densa névoa:
Viver é estar solitário
Entre gente que se ignora.
Todos estamos sós!


Hermann Hess

Nem todos os dias são de sol


Existe um Olhar

04.08.11

 

 "Só há uma coisa constante neste mundo: a inconstância."
    ( Jonathan Swift )

Lagoa de Óbidos em tarde de neblina

4 de Agosto de 2011

 

 

Direitos de Autor Nenhuma parte deste site pode ser reproduzida sem a prévia permissão do autor. Todas as fotografias estão protegidas pelo Decreto-Lei n.º 63/85, de 14 de Março. Uma vez que a maioria das fotografias foram feitas em locais públicos mas sem autorização dos intervenientes, se por qualquer motivo não desejarem que sejam divulgadas neste blog entrem em contacto comigo para que sejam retiradas de imediato. manuelapereira3@sapo.pt

Quem me segue

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

links

Lista de links

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D